É de gamar!

Como não se encantar com o trabalho da artista plástica polonesa Anita Damas? Me encantei pelos pratos feitos à mão com aplicação em decalque. A artista, que atualmente vive no Brasil, mais especificamente na Capital catarinense, cria as peças sempre por encomenda, e a forma dos pratos são escolhidas pelos próprios clientes, que também podem trazer seus exemplares. Hoje o atelier Open Studio, cantinho criativo e de produção dos objetos, fica localizado no Canto da Lagoa. Os utilitários são apenas um exemplo da criatividade da moça. Além dos pratos, tem canecas, almofadas, cartões-postais, pano de prato e até bolsas e camisetas estampadas. Uma das coleções mais ‘bacanudas’ é a da Frida. Para divulgar a sua encantadora arte, Anita criou ao lado da amiga Sonia Tuyama a empresa Good Mood Factory, com direito à fanpage. Corre lá e espia! Ou então, visite o atelier na Rua Laurindo Januário da Silveira. 4.367, loja 04, Canto da Lagoa.

Pratos 1

Continue Reading

Esculturas em destaque

São quatro as esculturas de cerâmica contemporânea que se destacam no ambiente Office do Curador de Artes por Bellacatarina na Mostra Casa Nova 2013. As duas maiores que estão sobre os cubos negros medem em torno de um metro de altura. As peças fazem parte de uma série de 10 esculturas de grande porte que a artista Sara Ramos chama ENGOLIdores. Elas são formadas por módulos sobrepostos, executados manualmente em argila, com acabamentos em esmaltes cerâmicos e óxidos, queimados a 1100 graus em forno específi co. As referências na criação dos trabalhos são encontradas na natureza nas mais diversas formas, segundo Sara, seja num detalhe de um ser vivo, numa espécie de planta ou num grão de areia.
– Meus trabalhos têm muita influência de coisas e seres que estão ao nosso redor, dos quais eu faço minha leitura particular, criando um universo paralelo – diz Sara.
E mais. A artista já está em Paris. Ela participará do dia 10 até o dia 17 de outubro de uma exposição de arte cerâmica contemporânea junto com a também artista plástica Ilca Barcellos. A exposição será na galeria de arte Un jour d’atelier (14 rue de Bardinet). Nesta mesma semana simultaneamente acontecerá na Cidade Luz o 10º Salon de la céramique d’art contemporain e a Nuit Blanche 2013, eventos que reúnem mais de 100 instalações e performances artísticas de diversas categorias.

Escultura Sara Ramos

escultura sara ramos

Continue Reading

Arte em balões

Difícil não observar os dois trabalhos do catarinense Joelson Bugila na composição da Sala dos Licores por Ekomobile na Pinacoteca Casa Nova. O convite surgiu dos próprios autores do projeto – Claudio Oliveira, Jeferson Potestino e Carlos Malinski – que já tinham visto uma obra dele com balões. Eis que os profissionais acharam que a peça poderia fazer algum elo com as escamas-penas de Meyer Filho, o homenageado no ambiente. A partir daí, o artista contemporâneo foi convidado a fazer uma releitura do trabalho do “enviado de Marte”, que reinterpretou por meio de balões e tachinhas as famosas cristas de galo do mestre do surrealismo.
– Exploro os balões com suas formas, cores e texturas. Além de ter a relação com o lúdico, de coisas felizes como as festas de aniversário, o balão remete ao vazio, um questionamento que faço em nossas vidas. Mudamos de forma o tempo todo, agora já não somos os mesmos… E no desenho do balão existe uma forma de gota, que quando explorada na composição como quadro já transforma por si só um desenho-pintura da sua própria forma. Nas obras levadas ao ambiente, todos os balões emoldurados são pinados por alfinetes, suportes que são necessários – segundo Bugila – para a vida em si.

Obras criadas com balões por Joelson Bugila fazem uma reinterpretação dos galos pintados por Ernesto Meyer Filho

Obras criadas com balões por Joelson Bugila fazem uma reinterpretação dos galos pintados por Ernesto Meyer Filho
Foto: Mariana boro

Foto Mariana Boro

Foto Mariana Boro

Continue Reading