Loft criado por Juliana Pippi leva visitante da CASACOR SC 2019 “pra perto do mar”

Em mais uma participação na CASACOR / Santa Catarina, a arquiteta Juliana Pippi usa e abusa das texturas e tons das dunas e fibras naturais e aproxima os visitantes “pra perto do mar”.

O mar sempre esteve próximo, sempre foi íntimo. Parte de quem é, não só paisagem para os olhos. O mar sempre embalou seu corpo, acalmou seus dias, faz ela lembrar de respirar fundo e olhar longe, pra frente.

A relação à beira, na faixa da areia, envolve a arquiteta Juliana Pippi por toda a vida. Ela traz essa conexão para o Loft “Pra Perto do Mar”, nesta edição da CASACOR / SantaCatarina em Florianópolis, onde recria as sensações por meio dos tons, texturas e tramas. O sentimento é de calmaria e leveza.

“Tenho uma relação forte com o mar, com o vento e com as areias das praias. Nasci perto dele e sempre que posso recarrego minha energia. Tenho a paisagem do mar constantemente em minha vida e em meus projetos. Costumo dizer que minha arquitetura é somente uma moldura para as paisagens dos projetos que faço. As texturas e cores das dunas, falésias e beira do mar me inspiram”, comenta a profissional.

Layout fluído

O Loft “Pra Perto do Mar” contempla a rotina em 135 metros quadrados totalmente conectados. Cozinha e sala de banho são marcados por um grande portal arquitetônico revestido por tijolos off-white. Toda marcenaria projetada pela arquiteta exibe elementos naturais, pensados para evidenciar a sensação de frescor e leveza.

Como no caso das portas pivotantes, que delimitam a sala de banho dos demais ambientes do loft. A delicadeza da palha natural reveste totalmente o “Wall Closet”. Na cozinha a mesa “All White” e o Frame em granilite são de autoria da arquiteta para o loft.

Parede, vigas e pilares são envolvidos por material sustentável, o cimentício é produzido a partir do aproveitamento dos resíduos de pedras naturais. O living, aberto e fluído, revela o jogo de composição idealizado pela arquiteta. Sombras e sobreposição das tramas são projetadas nas superfícies do ambiente de acordo com a passagem de luz.

Pura poesia!

Artistas convidados como Kiolo, Victor Collor e Thomaz Velho assinam obras de arte exclusivas para o espaço. “Manuscrito” de Clara Fernandes e as sobras têxteis de Pedro Luis expressam narrativas, enquanto o trabalho precioso dos artesãos da Ilha do Ferro fazem relação com as comunidades ribeirinhas.

Na curadoria do mobiliário, objetos e luminárias, Juliana apresenta peças de Domingos Tótora com uma paleta inédita no banco vereda. O designer Jader Almeida traz desenho exclusivo da bancada da sala de banho. AnaNeute, Maneco Quinderé, Guilherme Wentz, Irani Rigaud, Estúdio Iludi, Paolo Rizzatto, Larissa Diegoli, Marcelo Ligieri e a estilista Lu Andrade complementam o ambiente com suas criações.

Juliana Pippi projetou o Loft pra perto do mar, um ambiente de 135 metros quadrados, para a CASACOR SC 2019 em Florianópolis

Fotos Mariana Boro
Texto: Comunicação Juliana Pippi

Agende-se

O QUÊ: CASACOR Santa Catarina/Florianópolis 2019
QUANDO: 15 de setembro a 27 de outubro – Terça a Sexta, das 15h às 21h
Sábados e feriados, das 13h às 21h – Domingo, das 13h às 19h. O evento não abre às segundas-feiras.
ONDE: Empreendimento Cidade Milano (Av. Mauro Ramos, 1512, Centro, Florianópolis). Estacionamento no local.
INGRESSOS: R$ 50 / R$ 25 (meia, necessário comprovante)
https://casacor.abril.com.br/mostras/santa-catarina/

Continue Reading

Caffè D’Oro na CASACOR SC resgata o jeito italiano de viver a cozinha

Ambiente da arquiteta Cristiana Bez Delpizzo e do designer Giovani Bez Delpizzo na CASACOR SC Florianópolis transporta a personalidade do bisavô paterno dos profissionais para uma cozinha dos tempos atuais. O local, para um legítimo italiano, era o local preferido da casa.

Foi a caricatura do bisnonno que trouxe à tona toda uma história de família para o projeto da mostra. O desenho, pintado pelo artista catarinense Willy Zumblick, parte da herança que ficou com Gio, transportou os irmãos e sócios para o século 20. Mesmo sem conhecê-lo em vida, eles o cultivavam na memória. Foram muitas histórias contadas pelo avô e mesmo o pai, lá nos idos e passados anos 1900 sobre os feitos de seu Antonio Delpizzo.

“Nosso bisavô fazia da cozinha da casa o centro de toda a vida. Lugar onde adorava fazer seus pães e tomar café – sua bebida favorita. Quando olhamos para essa tela, o início de todo o projeto, veio a vontade de imaginar como seria esse mesmo local, só que no nosso século. Então trabalhamos a personalidade do nosso bisnonno atualizando a cena para os dias atuais”, conta a arquiteta Cris Bez Delpizzo.

O layout proposto, na metragem de 50 metros quadrados, foi inspirado nos tons do café. Por isso, o predomínio de terrosos na cartela de cores e pitadas certeiras do dourado, cor que para a dupla representa os anos áureos da produção de café no Brasil. Daí surgiu o nome da cozinha Caffè D`Oro.

“Fizemos um ambiente que pudesse incorporar este conceito de convivência coletiva dentro da cozinha, seja com poltronas para conversas mais reservadas próximas à estante com livros, seja numa mesa para as refeições onde se passam longas horas de papo solto. Ou mesmo, seja numa bancada incorporada à ilha, equipada com banquetas para um bate-papo entre e durante o processo de preparação dos alimentos. Temos vários ambientes em um só local, o que traduz muito bem a cozinha italiana”, explica o designer Giovani Bez Delpizzo.

Segundo os profissionais a personalidade do bisavô materializa cada centímetro e detalhes presentes no projeto. A seleção dos móveis e peças explora a tipologia dos móveis contemporâneos em cores e materiais que evidenciam a alma clássica da narrativa contada. Tudo isso, sem datar a composição de forma evidente.

Na parede, destaque para a obra de Jullian Galasch, que pintou a tela especificamente para a cozinha Caffè D’Oro

O bisavô Antonio Delpizzo por Willy Zumblick

A tela de 46x33cm do bisavô, arte do catarinense Willy Zumblick, ganhou um local especial, estrategicamente, ao lado de duas poltronas. A intenção foi montar uma cena de uso diário, como se seu Antonio por ali sentasse todos os dias, acompanhado de um bom livro e café. O canto foi eleito pelos profissionais como “a alma do ambiente”.

Antonio Delpizzo, bisavô de Giovani Delpizzo e Cristiana Delpizzo, foi pintado pelo artista catarinense Willy Zumblick sobre um papel de pão, uma referência à profissão do bisnonno que era padeiro

Conexão com o presente

A automação entra para facilitar a vida e também propor uma experiência com os visitantes da CASACOR SC. “Desenvolvemos perguntas e respostas específicas sobre a cozinha Caffè D’Oro: “Quem pintou o quadro da parede? Por que a cozinha se chama Caffè D’Oro? são alguns exemplos. Os visitantes terão acesso a uma ficha contendo todas essas questões e poderão perguntar diretamente ao Google Home, trazendo assim mais informação, interação e conexão com o espaço”, explica a dupla.

Certamente Antonio Delpizzo aprovaria a praticidade dos dias de hoje.

Os irmãos Cris Delpizzo e Giovani Delpizzo, ela arquiteta e ele designer, fizeram uma homenagem ao bisavô paterno no projeto da cozinha Caffè D’Oro para a CASACOR SC 2019
Foto Carlos Alves, Divulgação

Fotos: Mariana Boro
Texto: Comunicação Delpizzo Arquitetura

Agende-se

O QUÊ: CASACOR Santa Catarina/Florianópolis 2019
QUANDO: 15 de setembro a 27 de outubro – Terça a Sexta, das 15h às 21h
Sábados e feriados, das 13h às 21h – Domingo, das 13h às 19h. O evento não abre às segundas-feiras.
ONDE: Empreendimento Cidade Milano (Av. Mauro Ramos, 1512, Centro, Florianópolis). Estacionamento no local.
INGRESSOS: R$ 50 / R$ 25 (meia, necessário comprovante)
https://casacor.abril.com.br/mostras/santa-catarina/

Continue Reading

Mostra Artefacto em Balneário Camboriú apresenta ambientes para ver, ouvir, sentir, tatear, degustar – e inspirar

Quando a Artefacto instituiu o formato “ambientes assinados” em seu showroom, há mais de 20 anos, o panorama, tanto do ponto de vista do consumo, quanto da percepção do mercado, era bem diferente da forma como se apresenta hoje. Sem dúvida, o modelo ajudou a reconfigurar o setor mobiliário no país. 

Hoje, a Mostra Artefacto ganhou espaço notório no calendário oficial das grandes exposições do setor. A mais nova expo foi lançada em Balneário Camboriú (SC), onde profissionais apresentam propostas contemporâneas, produzidas e arranjadas exclusivamente a partir do acervo da grife. Os espaços interpretam os cinco sentidos: a visão, o olfato, a audição, o paladar e o tato.

“Os sentidos definem as experiências que temos na vida e as memórias que carregamos. As personas e suas interações consigo próprias, com os outros e com o planeta assumem o protagonismo nos ambientes inspiradores assinados por grandes profissionais”, explica Paulo Bacchi, CEO do brand que, esse ano, aposta nos “5 senses” como tema de sua exposição, que vai rodar todo o país em versões regionais.

No showroom de Balneário Camboriú participam os profissionais Ana Claudia Guerra, Phillippe Siarcos, Athos Peruzzolo, Daniele Carneiro, Carol Lopes, Deisi Priori, Fernanda Eicke, Lili e Geogea Golunski, Mariana Pesca, Maurício Christen, Claudio Schramm, Sibele Ristow Wodzinsky, Vanessa Larré, Fernanda Debeterco e Samantha Sperotto.

Os lançamentos assinados pela arquiteta Patrícia Anastassiadis, diretora criativa da marca, Edition 2019, também estão expostos na ambientação dos espaços projetados pelos profissionais convidados.

Mostra Artefacto – Ambientes

Ana Claudia Guerra e Phillippe Siarcos@guerrasiarcos

Os sócios apaixonados pela busca incessante de inspiração em diferentes culturas e com olhar apurado para o design conceberam em sua terceira Mostra Artefacto um espaço de 86 metros quadrados distribuídos em hall de entrada, sala de jantar, living e quarto. O ambiente descortina uma paleta mais neutra, pontuada por tons terrosos e iluminação intimista.

Foto Salvador Cordaro

Athos Peruzzolo e Daniele Carneiro@arquitetoathos

Estreantes na Mostra Artefacto, eles assinam a área gourmet de 40 metros quadrados. “O ambiente é composto por cozinha funcional, um lugar para refeições, e living conectado à adega. É possível aflorar os cinco sentidos por meio de eixos lineares, direcionando o olhar por todo espaço”, explicam.

Foto Fábio Jr. Severo

Carol Lopes@arqcarollopes

Nesta segunda participação na Mostra Artefacto, a profissional se inspirou na nova cartela desert para o mobiliário da marca. “No dia da escolha dos produtos, a paleta com tons terrosos veio à tona e, com ela, a vontade de criar um ambiente de base monocromática que realça a percepção visual para os detalhes no mix and match de materiais e outras cores”, explica.

Carol Salvador Cordaro

Deisi Priori@priorideisi

Em seu début na Mostra Artefacto, a profissional assina o lavabo destrinchado em um espaço de 14 metros quadrados. O móvel da grife foi apresentado de forma a explorar várias possibilidades de uso.

Foto Salvador Cordaro

Fernanda Eicke@fernanda.eicke.arq.interiores

Para sua quarta participação, a arquiteta criou um dormitório com closet, bancada-bar e um pequeno living desenrolados em 39 metros quadrados. A mesa componível Brass, o módulo Discovery e o banco Nomade roubam a cena do décor.

Foto Fábio Jr. Severo

Lili e Geogea Golunski@liligolunski

Para a estreia na Mostra Artefacto, os 50 metros quadrados compostos por living integrado com jantar – e que vira sala de jogos – tiveram inspiração em um refúgio urbano nos Hamptons, pontuado por seleção primorosa de mobiliário para traduzir um lifestyle chique à beira-mar.

Foto Fábio Jr. Severo

Mariana Pesca@marianapescaarquitetura

Estreante na Mostra Artefacto, a arquiteta pensou em um espaço não-convencional fugindo do que a forma ortogonal, cúbica e estática induzia. “O ambiente configura-se dentro de uma área de aproximadamente 40 metros quadrados, como um espaço de living e jantar, complementado por um bar de apoio. Todas essas ambiências compõem-se pelo mobiliário da Artefacto, entre os quais pudemos selecionar modelos, texturas, formas e cores que dialogam com o conceito visual que prevíamos”, explica.

Foto Fernando Willadino

Maurício Christen e Claudio Schramm
@claudiomschramm e @mauriciochristen_interiores

Na primeira participação, a dupla entrega um living com jantar de 40 metros quadrados. Com as paredes quase todas revestidas em madeira, os tecidos estabelecem elegante harmonia junto aos quadros e lembranças de um colecionador experiente.

Foto Fábio Jr. Severo

Sibele Ristow Wodzinsky@sibelewodzinsky_arquiteta

A arquiteta exibe em sua primeira participação na Mostra Artefacto um living e dormitório de 30 metros quadrados, todo composto por móveis Beach & Country. O espaço abusa da leveza, do aconchego, dos tons claros e da sofisticação. A curadoria do mobiliário foi minuciosa e conta com detalhes de couro, madeira e fibras naturais.

Foto Fábio Jr. Severo

Vanessa Larré, Fernanda Debeterco e Samantha Sperotto@vanessalarrearq

Nesta quarta participação consecutiva, Vanessa Larré, ao lado das arquitetas Fernanda Debeterco e Samantha Sperotto, assina o loft 5 sentidos+1. O espaço estimula os visitantes por meio de materiais, texturas e iluminação. “Somos amantes das cores, mas, de forma inédita, escolhemos nosso mobiliário inteiramente branco, que por definição é a união de todas elas”, explicam.

Foto Salvador Cordaro

SERVIÇO

Mostra Artefacto Balneário Camboriú – 5 Sentidos
Av. do Estado, 4770 – Centro, Balneário Camboriú, Santa Catarina
Informações: (47) 3264-9505

Continue Reading